quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Coroa do Advento e seu significado.


Pelo final do século IV é que se tem notícias deste tempo, ora caracterizado pelo sentido escatológico, ora como período de preparação ao Natal. O Concílio Vaticano II fez intencionalmente uma síntese destas duas realidade em sua reforma litúrgica.
Duas partes formam o Advento:
A primeira inicia-se com as vésperas do I domingo estendendo´se até o dia 16 de dezembro. É o memorial "da volta gloriosa de Cristo como juíz no fim dos tempos"; 
A segunda parte compreende os dias entre 17 e 24 de dezembro e estes estão orientados à preparação do Natal do Senhor.
N liturgia eucarística o Advento é qualificado ao máximo nas orações eucológicas (oração da coleta, sobre as oferendas e após a Comunhão), nos prefácios e na liturgia das horas, na qual vem expressa sinteticamente nos hinos e Salmos.

Trecho tirado  http://arquidiocesedecampogrande.org.br


A coroa de Advento  é um dos símbolos mais significativo deste tempo litúrgico. E quer lembrar-nos a "boa nova" que se anuncia, a vinda do Menino Jesus.

O seu formato em círculo nos mostra que o amor de Deus é eterno, sem princípio e nem fim, e também do nosso amor a Deus
e ao próximo que nunca deve terminar. Além disso, o círculo da uma idéia de "elo", de união entre Deus e as pessoas.
As quatro velas da coroa simbolizam, cada uma das quatro semanas do Advento. No início, vemos nossa coroa sem luz e sem brilho. Recorda-nos a experiência de escuridão do pecado. A medida em que se vai aproximando o Natal, vamos em cada semana acendendo uma a uma das quatro velas representando assim a chegada do Menino Jesus, Luz do mundo. 
A primeira vela lembra o perdão concedido.
A segunda simboliza a fé .
A terceira lembra a alegria.
A quarta recorda os Profetas que anunciaram a chegada do Salvador.
Os ramos verdes que envolvem as velas são a cor da esperança e da vida.

Trecho tirado http://www.jufem.com.br

Se Inscreva para receber novidades.